Notícias > Madrid_Ultima regulação dos preços agroalimentares
  Voltar Imprimir
 

 

 
  Madrid_Ultima regulação dos preços agroalimentares

O Ministério da Agricultura espanhol pretende que o Conselho de Ministros aprove em Outubro o projecto de lei de medidas para melhorar o funcionamento da cadeia alimentar que regulará os preços de origem e de destino de produtos alimentares. Isso foi divulgado pelo director geral da Industria Agroalimentaria del Ministerio de Agricultura, Alimentación y Medio Ambiente, Fernando Burgaz, durante uma conferência em Ciudad Real.

Fernando Burgaz explicou que esta legislação pretende facilitar a "máxima transparência dos preços" para que o elo mais fraco na cadeia de produção, o agricultor, não sofra "abusos" dos principais distribuidores, referindo que o Ministério está prestes a terminar a elaboração do projeto de lei, que será enviado em Outubro para que nesse mesmo mês seja aprovado em Conselho de Ministros.

Aquele responsável explicou que o diploma quer fortalecer o elo mais fraco da cadeia através da promoção e consolidação das organizações interprofissionais, ao mesmo tempo que se impulsionará o funcionamento do Observatório de Preços, que arrancou em 2010. O Ministério da Agricultura também quer prestar atenção especial à implementação dos contratos na regulação da compra-e-venda de produtos agro-alimentares e promover o acesso à formação profissional e aos canais de informação voltados para o sector.

Em última instância, o objectivo da lei é "equilibrar a cadeia alimentar para garantir uma distribuição sustentável do valor acrescentado", com o objectivo de "aumentar a competitividade e eficiência." O representante do Ministério lembrou que em 2008 explodiu uma "guerra de preços" em face da retracção do consumo, levando a uma guerra também na cadeia de distribuição que empurrou em "cheio" os agricultores que sofreram com as “descidas dos preços". 

Por esta razão, o Ministério da Agricultura trabalha do início deste ano na regulação da "rede de produção e distribuição" para que os produtores recebam "um preço digno”.



Fonte:Agroinformación

 
 
27-09-2012
       
 
   
 
 
home
Página de Entrada
 
Opinião
 
Links Úteis
 
Pesquisa
 
Mapa do Sítio
     
Intranet  
 
Username:
 
 
Password:
 
     
   
Entrada    ::    OMAIAA    ::    Publicações    ::   Mercados   ::   O Seu Olhar    ::    Notícias    ::    Contactos
Copyright 2011 © Observatório dos Mercados Agrícolas e das Importações Agro-Alimentares