Notícias > Preços dos produtos lácteos foram os que mais subiram a nível mundial
  Voltar Imprimir
 

 

 
  Preços dos produtos lácteos foram os que mais subiram a nível mundial

Os preços dos alimentos no mundo sofreram um ligeiro aumento de 1,4 por cento em setembro, depois de dois meses de estabilidade, com base no preço do trigo e arroz, segundo o índice mensal de preços alimentares divulgado hoje pela FAO. 
 
Depois da alta nos preços dos grãos no mês de agosto, os preços dos cereais não aumentaram mais que 1% em setembro graças à baixa do preço do milho, mas a carne (+2,1 por cento) e os produtos lácteos (+7 por cento) justificam o aumento do índice de três pontos em relação a agosto, a 263 pontos, explicou a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO). 
 
A organização sublinhou, num comunicado, que está "preocupada" com as reservas de trigo devido às pequenas quantidades disponíveis para a exportação. 
 
"As projeções mais recentes da FAO confirmam para 2012 a baixa da produção de cereais no mundo, que registou um nível recorde em 2011", indicou a organização, avançando a perspetiva de uma redução de 2,6 por cento em relação ao ano passado. 
 
"Isso deverá traduzir-se numa redução significativa de reservas de cereais no mundo até ao final da colheita em 2013", na ordem de 28 milhões de toneladas para atender 449 milhões de toneladas, precisou a nota da FAO. 



Fonte:Diário Digital/Lusa
 
 
08-10-2012
       
 
   
 
 
home
Página de Entrada
 
Opinião
 
Links Úteis
 
Pesquisa
 
Mapa do Sítio
     
Intranet  
 
Username:
 
 
Password:
 
     
   
Entrada    ::    OMAIAA    ::    Publicações    ::   Mercados   ::   O Seu Olhar    ::    Notícias    ::    Contactos
Copyright 2011 © Observatório dos Mercados Agrícolas e das Importações Agro-Alimentares