Notícias > Exportações de ovos na UE aumentam nos primeiros oito meses do ano
  Voltar Imprimir
 

 

 
  Exportações de ovos na UE aumentam nos primeiros oito meses do ano

A União Europeia, de Janeiro a Agost, exportou 134.411 toneladas de ovos, o que supõe um aumento de 7,5 por cento em relação ao mesmo período do ano anterior, de acordo com os últimos dados da Comissão Europeia.

Tendo em conta que este aumento percentual se refere a 2012, ano em que as explorações de ovos baixaram substancialmente, foi o primeiro ano de aplicação da directiva de bem-estar das galinhas poedeiras, que trouxe o encerramento de explorações e em consequência a redução das exportações e da produção. Nos anos anteriores, 2010 e 2011, as explorações aumentaram 21 e 18 por cento, respectivamente.

Nos primeiros oito meses do ano, as exportações para o Japão, o primeiro cliente da União Europeia (UE), absorvendo 30 por cento das mesmas, desceram cerca de 12 por cento. Para o segundo cliente, a Suíça, com uma quota de 21 por cento, as saídas não foram inalteradas.

Neste período há que destacar os aumentos registados em dois mercados, nomeadamente, Emirados Árabes Unidos e a Rússia, onde as exportações comunitárias subiram, que apesar de ainda serem pequenos clientes, com cerca de quatro e cinco por cento das exportações, podem vir a subir a sua quota de mercado caso se mantenha o ritmo de crescimento.

Fonte: Agrodigital

 
 
28-10-2013
       
 
   
 
 
home
Página de Entrada
 
Opinião
 
Links Úteis
 
Pesquisa
 
Mapa do Sítio
     
Intranet  
 
Username:
 
 
Password:
 
     
   
Entrada    ::    OMAIAA    ::    Publicações    ::   Mercados   ::   O Seu Olhar    ::    Notícias    ::    Contactos
Copyright 2011 © Observatório dos Mercados Agrícolas e das Importações Agro-Alimentares