Notícias > UE estabelece regras anti-dumping sobre biodiesel da Argentina e Indonésia
  Voltar Imprimir
 

 

 
  UE estabelece regras anti-dumping sobre biodiesel da Argentina e Indonésia

A União Europeia vai impôr, a partir do próximo dia 27 de Novembro, deveres definitivos anti-dumping sobre as importações de biodiesel procedentes da Argentina e da Indonésia.

 

As medidas compensatórias consistem num dever adicional de, com uma média de 24,6 por cento para a Argentina e 18,9 para a Indonésia e serão aplicadas durante cinco anos.

 

Baseadas numa decisão tomada esta semana pelo Conselho, após uma investigação levada a cabo pela Comissão Europeia ao longo de 15 meses, a qual manifestou que os produtores de biodiesel da Argentina e da Indonésia vendiam com dumping no mercado comunitário, gerando um efeito negativo nos resultados financeiros e operativos dos produtores europeus.

 

Segundo as conclusões da investigação, as empresas argentinas e indonésias beneficiam injustamente porque têm acesso às matérias-primas para a produção de biodiesel a preços que são artificialmente baixos em comparação com os preços do mercado mundial. A razão desta diferença prende-se com os altos impostos aplicados na exportação destas matérias-primas, como a soja e o óleo de soja na Argentina e o óleo de palma na Indonésia, praticados nestes países.

 

A Comissão detectou ainda que a margem de dumping na Argentina era entre 41 e 49 por cento e na Indonésia entre 8,8 e 23 por cento. Assim, os direitos anti-dumping impostos serão entre 22 e 25,7 por cento para a Argentina e entre 8,8 e 20,5 por cento, para a Indonésia, de forma a evitar um maior prejuízo na indústria da União Europeia.

 

Fonte: Agrodigital

 
 
22-11-2013
       
 
   
 
 
home
Página de Entrada
 
Opinião
 
Links Úteis
 
Pesquisa
 
Mapa do Sítio
     
Intranet  
 
Username:
 
 
Password:
 
     
   
Entrada    ::    OMAIAA    ::    Publicações    ::   Mercados   ::   O Seu Olhar    ::    Notícias    ::    Contactos
Copyright 2011 © Observatório dos Mercados Agrícolas e das Importações Agro-Alimentares