Notícias > Alemanha e França reduzem produção de alimentação animal
  Voltar Imprimir
 

 

 
  Alemanha e França reduzem produção de alimentação animal

A crise dos sectores pecuários tem tido consequências no sector da alimentação animal, com a Alemanha e a França a reduzirem a sua produção.

A Alemanha produziu 23,39 milhões de toneladas de raçoes compostos entre Julho de 2015 e Junho de 2016, o que supõe uma redução de 0,7 por cento em comparação com o mesmo período do ano anterior, segundo dados da DVT /associação alemã de produtores de rações compostas.

O número de fábricas de rações comerciais na Alemanha no final da campanha de 2015/2016 foi de 313. O valor refere-se às fábricas de rações registadas, que incluem todos os que têm uma produção anual igual ou superior a 1.000 toneladas. Dezassete fábricas na Alemanha produzem mais de 300 mil toneladas de alimentação ao ano.

Em França, nos sete primeiros meses de 2016, a produção total der rações compostas reduziu em 735 mil toneladas, o que supõe uma baixa de 6,3 por cento em relação ao mesmo período do ano passado. As descidas mais significativas verificaram-se nas raçoes para gado bovino, -12,7 por cento, ou seja, menos 300 mil toneladas, e de porco, -4,6 por cento, o que supõe menos 130 mil toneladas.

Fonte: Agrodigital

 
 
22-09-2016
       
 
   
 
 
home
Página de Entrada
 
Opinião
 
Links Úteis
 
Pesquisa
 
Mapa do Sítio
     
Intranet  
 
Username:
 
 
Password:
 
     
   
Entrada    ::    OMAIAA    ::    Publicações    ::   Mercados   ::   O Seu Olhar    ::    Notícias    ::    Contactos
Copyright 2011 © Observatório dos Mercados Agrícolas e das Importações Agro-Alimentares