Notícias > Exportações mundiais de vinho crescem 6,5% em 2017
  Voltar Imprimir
 

 

 
  Exportações mundiais de vinho crescem 6,5% em 2017


As exportações mundiais de vinho e mosto ultrapassaram, em 2017, os 31 milhões de euros, o que representa um crescimento de 6,5% relativamente ao ano anterior.

Em volume, as exportações também aumentaram, concretamente 4,6%, para os 10.706 milhões de litros, o que é de assinalar dada a reduzida vindima de 2017.

As tendências mais recentes mostram uma progressiva desaceleração do volume, devido a uma menor disponibilidade mundial de vinho, face à maior progressão das vendas em valor, que, segundo os dados OeMv, têm acelerado nos últimos meses.

Pela primeira vez, os dados mundiais distinguem a importância do “bag in box” nas exportações de mais de dois litros. Este tipo de embalagem representa 18% do valor total da categoria de exportações de mais de dois litros e 10,7% do seu volume.

Entre os principais exportadores, França melhorou sensivelmente as suas vendas internacionais em valor e Itália manteve a tendência positiva que vem a revelar desde 2009. Já Espanha progrediu a um menor ritmo, embora se mantenha como o maior exportador mundial de vinhos em volume.

Por seu turno, os Estados Unidos da América aumentaram a vantagem para o Reino Unido como o maior importador mundial de vinho em euros, com a China e a Rússia a crescerem bem acima da média. Em volume, a Alemanha e o Reino Unido mantêm a liderança, embora com aumentos sensivelmente menores que os dos Estados Unidos da América, França e China nos últimos anos.





Fonte: Revista Grande Consumo

 
 
24-04-2018
       
 
   
 
 
home
Página de Entrada
 
Opinião
 
Links Úteis
 
Pesquisa
 
Mapa do Sítio
     
Intranet  
 
Username:
 
 
Password:
 
     
   
Entrada    ::    OMAIAA    ::    Publicações    ::   Mercados   ::   O Seu Olhar    ::    Notícias    ::    Contactos
Copyright 2011 © Observatório dos Mercados Agrícolas e das Importações Agro-Alimentares